Nascido em Reykjavík, o goleiro Hannes Thór Halldórsson tem 34 anos e atua pelo Randers FC (Noruega). O goleiro islandês está fazendo bastante sucesso após o seu excelente desempenho no empate contra a Argentina em partida válida pela Copa do Mundo de 2018, com direito a defesa do pênalti cobrado por Lionel Messi. Segundo a FIFA, 99,6% da população da Islândia assistiram este jogo histórico, afinal, é a primeira participação do país no maior torneio do mundo.

Halldórsson começou a sua carreira em 2002 no clube Leiknir (Islândia). O guarda-redes jogou no futebol da pequena ilha européia durante 10 anos, logo, o mesmo teve passagens pelo Afturelding, Stjarnan, Fram e KR. Em 2012, transferiu-se para o SK Brann (Noruega) e posteriormente para o Sandnes Ulf (Noruega). Em 2015, Hannes foi jogar na principal liga holandesa pelo NEC e na temporada seguinte foi contratado pelo Randers FC, onde defende atualmente.

Thór foi convocado pela primeira vez para a Seleção Islandesa em 2011, quando o seu país disputou as eliminatórias para a Eurocopa de 2012, e desde então tornou-se unanimidade na posição. O goleiro também disputou as eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014. O time nacional nunca havia conseguido se classificar para um grande torneio. Entretanto, conseguiu participar da Eurocopa de 2016, onde passou pela fase de grupos, eliminou a Inglaterra nas oitavas de final e foi eliminada pela França nas quartas de final. Durante as eliminatórias, Halldórsson foi crucial na classificação da Islândia para o mundial na Rússia de 2018. Em sua primeira partida em uma Copa do Mundo, Hannes foi eleito o melhor jogador da partida contra a Argentina, inclusive, evitando um gol de pênalti do Lionel Messi.

LEIA MAIS: Goleiro do Coritiba diz que não está surpreso com a campanha do CSA na Série B  

Clique na imagem e insira os cupons: INT20OFF (camisas), INT25 (bolas) e FASTPROGRESS (parceria).

Por muitos anos, o guarda-redes teve que trabalhar como Diretor de Cinema em paralelo a carreira futebolística. Nesta área, Thór trabalhou para a Sagafilm e participou da Eurovision Song Contest de 2012. Segundo a própria empresa, a mesma tem interesse em recontratar o goleiro após a sua aposentadoria no futebol.

Recentemente, Halldórsson dirigiu uma campanha publicitária para a Coca-Cola. O comercial, chamado de “Saman” faz referência às tradições vinkings através das batidas e palmas ritmadas. É o projeto publicitário mais caro da empresa na ilha européia, entretanto, o vídeo está no ar somente durante o período do mundial de 2018.

Veja como ficou o comercial:

O próximo confronto do Hannes Halldórsson será entre Islândia e Nigéria pela Copa do Mundo de 2018. O jogo ocorrerá nesta sexta-feira (22) às 12 horas (horário de Brasília).

Texto por: Arthur Fernandes